Agricultores do Cabo e Rio Formoso conhecem cultivo orgânico em Amaraji

Conhecer a história e experiência do processo de conversão de um sistema tradicional  para o sistema orgânico de   produção, como também, o caminho da  certificação . Esse foi o principal objetivo da excursão realizada para o Sitio São Caetano, em Amaraji, na segunda-feira (04), com participação de 25 agricultores e agricultoras dos municípios do Cabo de Santo Agostinho e Rio Formoso.

 

A iniciativa foi do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), por meio do trabalho desenvolvido pelos extensionistas: Rosimar Oliveira e José Carlos Romão, ambos de Cabo de Santo Agostinho, Jean Carlos, de Rio Formoso, e Artur Carneiro, supervisor da Gerência Regional de Palmares. O evento contou com apoio do técnico, Givaldo Modesto, de Amaraji.

 

Na ocasião, o proprietário do Sítio, Severino Alves de Melo, fez um breve histórico do processo de conversão do sistema tradicional para o sistema orgânico de produção, com destaque para o caminho a seguir, a fim de obter a certificação dos produtos. Em seguida, o grupo conheceu as experiências exitosas, iniciando com os cuidados com o solo, a variedade da produção, preparo  de biofertilizantes, técnicas de compostagem, alternativas de irrigação, entre outras. No final dos trabalhos, o dono da propriedade  apresentou, por meio de demonstração prática, o microtrator de  arar. “É um investimento de baixo custo, considerando a relação custo/ benefício, que também agiliza os serviços e reduz muito os custos com mão-de-obra”, destacou ele.

 

Fonte: Núcleo de Comunicação do IPA

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.